O PEIXE EM LISBOA terminou domingo, no Pátio da Galé, com um balanço bastante positivo, traduzido em mais de 25.500 visitantes, dos quais 22% estrangeiros.

Os visitantes puderam comprovar a excelência da gastronomia do mar português através da criatividade da dezena de restaurantes que esteve em funcionamento permanente no evento, metade em estreia absoluta. Essa renovação foi, aliás, muito bem acolhida pelos visitantes, que sobremaneira elogiaram a diversidade de conceitos e menus. Variedade também não faltou na área do mercado, onde 70 expositores disponibilizaram centenas de produtos com possibilidade de prova e aquisição.

Nesta 8ª edição, o Auditório do festival confirmou a conquista e fidelização de públicos ao registar uma elevada afluência na generalidade das sessões, com destaque muito particular para as apresentações de cozinha ao vivo de Joan Roca e Quique Dacosta, chefes espanhóis três estrelas Michelin. Contas feitas, desde a primeira edição, em 2008, mais de uma centena de diferentes chefes de cozinha, portugueses e estrangeiros, já se apresentaram ao vivo no PEIXE EM LISBOA.

Nota ainda para o valor recorde de acreditação de jornalistas e bloguistas, que ultrapassou os 230 elementos. Além de Portugal, de países como África do Sul, Austrália, Brasil, Canadá, China, Espanha, Estados Unidos, Finlândia, França, Irão, Itália, Inglaterra, Irlanda, Nova Zelândia, Rússia e Suíça.

PEIXE EM LISBOA é uma organização da Associação Turismo de Lisboa, com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa e produção da EV – Essência do Vinho. O regresso do festival gastronómico de referência do nosso país está garantido, de 7 a 17 de abril de 2016.

 

Redação | WINE - A Essência do Vinho