De 23 a 26 de fevereiro, no Palácio da Bolsa, 14ª edição

A principal experiência do vinho em Portugal traz à cidade do Porto a mais representativa comitiva internacional de jornalistas e importadores especializados. São mais de 70 os profissionais estrangeiros já credenciados, parte dos quais cumprirá um programa específico de provas e ações paralelas, que inclui a participação no evento e visitas a regiões vitivinícolas portuguesas. ESSÊNCIA DO VINHO – PORTO realiza-se de 23 a 26 de fevereiro, no Palácio da Bolsa. 

A grande novidade desta 14ª edição é o “Portugal Wine Connection”. Trata-se de uma sessão exclusiva, que pela primeira vez reunirá importadores e jornalistas estrangeiros credenciados a produtores e enólogos representados no evento. A prova in loco de vinhos e o contacto direto entre agentes económicos, líderes de opinião e importadores, que atuam em 14 mercados externos, tem o duplo objetivo de aumentar a notoriedade dos vinhos portugueses representados no ESSÊNCIA DO VINHO e proporcionar novas oportunidades de negócio. 

Entendemos testar este modelo como forma de dar um retorno suplementar aos produtores de vinho presentes no evento. Além disso será uma oportunidade para que os jornalistas e importadores estrangeiros associem rostos aos vinhos, o que certamente facilitará o esclarecimento de dúvidas e aumentará o impacto do possível ‘feedback’ acerca desses vinhos nos mercados de origem dos jornalistas e importadores. O ´Essência do Vinho – Porto’ já se assumiu como um evento europeu de referência no setor e cada vez mais quer também contribuir para o reforço da notoriedade de Portugal e dos vinhos portugueses”, explica Nuno Pires, diretor da Essência do Vinho.

A ação realiza-se no primeiro dia, 23 de fevereiro, das 16h30 às 18h30, no Salão Árabe do Palácio da Bolsa.

Nesse mesmo dia inaugural, mas durante a manhã, será promovida a prova “TOP 10 Vinhos Portugueses”, com a presença de 40 jornalistas, críticos de vinhos e sommeliers de 12 nacionalidades. Cerca de 60 vinhos pré-selecionados pela revista WINE – A Essência do Vinho, que obtiveram as pontuações mais elevadas pelo painel de provas da publicação durante o último ano, serão sujeitos a uma derradeira avaliação por este júri internacional. Os vinhos brancos, tintos e fortificados que alcançarem as classificações mais altas nesta prova constituirão o “TOP 10 Vinhos Portugueses”, que será divulgado durante um jantar na Feitoria Inglesa, sexta-feira, dia 24. Alexandre Lalas (revistas “Gula” e “WINE”, Brasil e Portugal), Christine Krieger (revista Meininger, Alemanha), Isabelle Moreira Lima (jornal “O Estado de São Paulo”, Brasil), José Peñín (crítico de vinhos, Espanha), Jeremy Stockman (Watson’s Wine, China), Mauro Pirovano (sommelier, Reino Unido), Moonsong Bang (wine educator, Coreia do Sul), Takenori Beppu (wine educator, Japão) ou Thomas Vaterlaus (revista Vinum, Suíça) são apenas alguns dos jurados.

Portos e Madeiras do século XIX

Portugal tem o condão de possuir uma trilogia de grandes vinhos fortificados. Todos – Portos, Madeiras e Moscatéis – estarão presentes no evento, com destaque muito especial para alguns exemplares do século XIX. O mais antigo de todos, com 150 anos, integra a prova “Vinhos do Porto de Sonho”, reservada à comitiva internacional de jornalistas e que se realiza no dia 24. Carvalhas Memories Very Old Tawny Porto 1867, Quinta do Vallado ABF Very Old Tawny Porto 1888, Kopke 375 Anniversary Special Edition Porto Colheita 1940, Taylor’s Single Harvest Porto 1967, Ramos Pinto 40 Anos Tawny Porto Homenagem João Nicolau de Almeida, Graham’s Very Old Tawny Port 90 (comemorativo do aniversário da Rainha Isabel II, lote 1912,1924 e 1935) constituem os vinhos de sonho dessa degustação.

Já no primeiro dia, 23 de fevereiro, dois vinhos Madeira do século XIX, da casa Barbeito, integram a sessão “Barbeito: vinhos da Madeira à prova do tempo”. Barbeito Malvasia 1875, Barbeito Tinta Negra 100 Anos, Barbeito Boal e Malvasia 1889 – 1890, Barbeito Mãe Manuela Malvasia 40 Anos, Barbeito Vó Vera Malvasia 30 Anos, Barbeito Malvasia 20 Anos – Lote 14050, Barbeito Sercial 1992, Barbeito Verdelho 2000 constituem a equipa de luxo desta prova comentada, neste caso já com possibilidade de inscrição de público (sujeita à lotação da sala).

Ainda no capítulo dos vinhos mais exclusivos, ESSÊNCIA DO VINHO – PORTO 2017 apresenta várias colheitas antigas, desde meados do século XX, não apenas de vinhos fortificados como também de vinhos tintos e brancos.

Sexta, dia 24, realce para a prova “Symington: sete décadas de vinhos Vintage de Quinta”, que contará os vinhos Graham’s Malvedos 1958, Graham’s Malvedos 1965, Dow’s Bomfim 1978, Warre’s Cavadinha 1984, Dow’s Bomfim 1986, Quinta do Vesúvio 1995, Dow’s Senhora da Ribeira 1998, Warre’s Cavadinha 2001, Graham’s Malvedos 2004, Dow’s Senhora da Ribeira 2013 e Cockburn’s Canais 2014. Ainda no mesmo dia, a Taylor’s celebra o 325º aniversário com a prova “Terra Feita: uma grande quinta da Taylor’s”, que reúne Portos Vintage de 1982, 1986, 1991, 1995, 1996, 1999, 2001, 2005 e 2008. Do Dão, a Sogrape mostra brancos e tintos Grão Vasco de 1977, 1978, 1981, 1983, 1991, 1992, 2005, 2015 e 2016.

Sábado, dia 25, abrem-se mais garrafas que teimam desafiar o tempo, como o Casa Ferreirinha Vinha Grande tinto 1975, e domingo, dia 26, a prova “Kopke: 6 décadas de Colheitas” apresenta exemplares de 1957, 1967, 1978, 1981, 1999 e 2007.

Curiosidades entre 3.000 vinhos no Palácio

O programa do ESSÊNCIA DO VINHO – PORTO tem dezenas e dezenas de bons pretextos de visita. Em prova livre, mais de 3.000 vinhos de 350 produtores, nacionais e estrangeiros. Em paralelo, um conjunto de 19 provas comentadas por especialistas, três harmonizações enogastronómicas e quatro conversas didáticas sobre vinho.

Vinhos alentejanos de talha e monovarietais do Douro são outros dos destaques da programação da principal experiência do vinho em Portugal. Mas há mais, como combinações entre vinhos e chocolates, uma prova de queijos e vinhos de Minas Gerais, Estado brasileiro com forte influência gastronómica portuguesa, e outra de espumantes e vinhos brasileiros Era dos Ventos, do Rio Grande do Sul, com a presença do produtor. 

O programa detalhado, a compra de bilhetes e a aquisição de lugares nas provas comentadas estão disponíveis online, em www.essenciadovinhoporto.com. Até às 15h de dia 22 de fevereiro a entrada válida para 1 dia de evento tem o valor de 20€ (será de 25€ quando adquirida nos dias e no local do evento). ESSÊNCIA DO VINHO – PORTO realiza-se dia 23 de fevereiro, das 15h às 20h, dias 24 e 25, das 15h às 21h, e dia 26 de fevereiro, das 15h às 20h.

O evento é uma organização da EV-Essência do Vinho, em parceria com a Associação Comercial do Porto, com o apoio da Câmara Municipal do Porto.      

Redação | WINE - A Essência do Vinho