Executivo mandatou ainda o IVDP para realizar estudo estratégico

O secretário de Estado da Agricultura e Alimentação, Luís Medeiros Vieira, afirmou esta segunda-feira, no Porto, que o Governo mandatou o IVDP – Instituto dos Vinhos do Douro e Porto a realizar um estudo estratégico de avaliação de mercados internacionais, tendo por objetivo final o aumento do preço de vendas nos mercados externos.

Durante a cerimónia de homenagem aos dez ex-presidentes do IVDP, instituição criada em 1933, o governante sublinhou a importância de avaliar a forma como melhor posicionar os vinhos da região nos diversos mercados, nomeadamente em matéria de preços, argumentando que este momento é decisivo para os vinhos portugueses e que, no caso concreto do Douro, é fundamental potenciar as críticas bem positivas que têm obtido nas publicações internacionais especializadas.

Salientando que os vinhos portugueses apenas se conseguem afirmar nos mercados externos pela diversidade, Luís Medeiros Vieira aproveitou a ocasião para relembrar apoios comunitários ao Douro. Até 2020, com possibilidade de extensão até 2023, está aberta nova fase do programa de requalificação de vinhas, estando as candidaturas a ser avaliadas e aprovadas “em velocidade cruzeiro”. Nos últimos 16 anos, relembrou o secretário de Estado, 19.000 hectares de vinhas do Douro foram reestruturadas com apoios comunitários, num investimento que superou os 240 milhões de euros.

JJS | Revista de Vinhos - A Essência do Vinho