O Instituto dos Vinhos do Douro e do Porto (IVDP) promove a partir de 28 de maio e durante o próximo mês de junho um conjunto de atividades de formação e promoção nas duas mais importantes cidades brasileiras: Rio de Janeiro e São Paulo. 

As ações de formação, intituladas PORT & DOURO WINE SEMINAR, dirigidas a profissionais, atuais e futuros, decorrem em alguns dos mais importantes polos de formação brasileiros, como o SENAC, a ABS e a conceituada Universidade Anhembi Morumbi. Um total de 8 sessões com mais de 100 vinhos, constituídas por um módulo sobre “Vinho do Porto” e outro módulo sobre “Vinhos do Douro”, pretende formar mais de 120 profissionais brasileiros alargando o seu conhecimento sobre os estes vinhos. 

Quanto às atividades de promoção, no Rio de Janeiro e em São Paulo, a mais antiga região demarcada do mundo terá a maior delegação presente em mais uma edição do evento VINHOS DE PORTUGAL, numa organização dos jornais PÚBLICO, Época, O Globo e Valor Econômico, em parceria com a ViniPortugal.

Para o presidente do IVDP, “O Brasil é um mercado estratégico e muito importante para os vinhos da Região Demarcada do Douro, não só pela sua dimensão, mas pelo perfil do consumidor desejoso de experiências novas e enriquecedoras, o que é uma excelente oportunidade para a contínua aposta na valorização do produto”, conclui Gilberto Igrejas, tendo presente que o Brasil é um mercado que vale 10 milhões de euros para as exportações de vinhos da região duriense.


RIO DE JANEIRO, 31 de maio a 2 de junho | CASA SHOPPING

SÃO PAULO, 7 a 9 de junho | JK IGUATEMI


Com efeito, a Região Demarcada do Douro, com 36 produtores, será a maior delegação presente no Rio de Janeiro e em São Paulo no evento VINHOS DE PORTUGAL. O IVDP participa uma vez mais neste certame promovendo 12 atividades com o objetivo de explorar a versatilidade dos seus vinhos, dando a oportunidade de experimentar vinhos do Porto raros e vinhos do Douro de excecional qualidade, 
“O Fascínio dos Grandes Porto” e “Grandes Vinhos do Douro” serão as 2 provas especiais que terão lugar nestas cidades brasileiras, conduzidas pelo reconhecido jornalista e especialista de vinhos Manuel Carvalho, dando ênfase a autenticidade e qualidade dos vinhos da mais antiga região demarcada do mundo.

Depois do êxito do ano passado, a atividade “O Douro na primeira pessoa” ocupará o espaço “Tomar um copo”, numa conversa informal à volta dos vinhos entre o jornalista Manuel Carvalho com os produtores durienses Domingos Alves de Sousa, Tomás Roquette, Fernando Seixas, Laura Regueiro, Luís Sottomayor, Sofia Prazeres, Carlos Magalhães e José Luís Moreira da Silva.

Trata-se da maior edição do VINHOS DE PORTUGAL desde a sua estreia, em 2014, e o maior evento de vinhos portugueses para consumidores no estrangeiro.

Programa das atividades do IVDP no VINHOS DE PORTUGAL


Rio de Janeiro | CasaShopping


Sexta-feira, 31 de maio

18:30h - Tomar um copo: Douro na Primeira Pessoa | Domingos Alves de Sousa * Alves de Sousa

Sábado, 1 de junho

15:00h - O Fascínio dos Grandes Porto| Manuel Carvalho

17:30h - Tomar um copo: Douro na Primeira Pessoa | Tomás Roquette * Quinta do Crasto

Domingo, 2 de junho

12:00h - Grandes Vinhos do Douro | Manuel Carvalho 14:30h - Tomar um Copo: Douro na primeira pessoa | Fernando Seixas * Fladgate Partnership

15:30h - Tomar um Copo: Douro na primeira pessoa | Laura Regueiro * Quinta da Casa Amarela

São Paulo | JK Iguatemi


Sexta-feira, 7 de junho

16:30h - Tomar um Copo: Douro na Primeira Pessoa | Luís Sottomayor * Sogrape Vinhos

Sábado, 8 de junho

15:30h - Grandes Vinhos do Douro | Manuel Carvalho 17:30h - Tomar um Copo: Douro na Primeira Pessoa | Sofia Prazeres * Quinta de S. José

18:30h - Tomar um copo: Douro na primeira pessoa | Carlos Magalhães * Palato do CôaDomingo, 9 de junho

15:30h - Tomar um copo: Douro na primeira pessoa | José Luís Moreira da Silva * Quinta dos Murças17:00h - O Fascínio dos Grandes Porto| Manuel Carvalho 


A exportação de Vinhos da Região Demarcada do Douro para o BRASIL


Em 2018 as exportações de vinhos da RDD para o Brasil representaram 19% do valor total exportado de vinhos portugueses para esse mercado (51,5M€).

O Brasil ocupa a 12º posição no mercado mundial de Vinho do Porto. Exportaram-se em 2018, para o Brasil, 72 mil caixas, um crescimento de 4,3%. Em valores, as vendas cresceram 7,2 %, num total de 3 milhões de euros. Um ano muito positivo para o setor que também registou um crescimento de 2,8 % no preço médio por garrafa do DOP Porto. De referir que no ano passado, 37 empresas exportaram DOP Porto para o Brasil

Quanto aos Vinhos do Douro, depois de um 2017 que veio a ser o melhor ano de sempre, em 2018, com a exportação de 189 mil caixas (-15,9%), no valor de 6,4 milhões de euros (-1,1%), a evolução foi negativa, pelo que o mercado brasileiro desceu um lugar no ranking dos principais mercados para a DOP Douro. De positivo há assinalar o forte crescimento do preço médio (+17,6%) que, assim, recuperou para níveis de 2012. Em 2018 exportaram DOP Douro para o Brasil 122 empresas.


Sobre o IVDP

Embaixador dos Vinhos do Porto e Douro em todo o mundo, o Instituto dos Vinhos do Douro e do Porto (IVDP) é um instituto público, integrado na administração indireta do Estado, com jurisdição sobre todo o território nacional. A missão fundamental do IVDP é promover os vinhos do Porto e do Douro em Portugal e no mundo, garantir o controlo da qualidade e quantidade dos vinhos do Douro e Porto, regulamentando o processo produtivo, bem como a proteção e defesa das denominações de origem Douro e Porto e da indicação geográfica Duriense à escala global.