Durante 10 dias, mais de 15.000 pessoas visitaram o FRANCESINHA NA BAIXA, festival gastronómico inserido no projeto “1ª Avenida - Dinamização Económica e Social da Baixa do Porto”, promovido pela Porto Vivo - Sociedade de Reabilitação Urbana, Porto Lazer e Câmara Municipal do Porto, organizado pela EV-Essência do Vinho.

“Esta primeira edição excedeu largamente as nossas melhores expetativas. Por isso, podemos concluir que a iniciativa se traduziu num enorme êxito, numa aposta ganha, tendo convencido não só milhares de portuenses como muitos outros visitantes de outras zonas do país. É ainda de realçar o índice elevado de visitantes estrangeiros, que perfizeram cerca de 19% do total, de origens tão diversas como Espanha, França, Alemanha, Reino Unido, Itália, Brasil e até Austrália. Eram turistas que estavam de viagem ao Porto e que sentiram curiosidade em passar pelo festival, sendo que muitos deles já estavam informados acerca da francesinha, enquanto iguaria tradicional da cidade”, observa Nuno Botelho, diretor da EV-Essência do Vinho.

O evento reuniu cinco dos mais emblemáticos restaurantes do Porto - Alicantina, BG Gourmet, Capa Negra, Cufra e Porto Beer -, que estiveram representados e em funcionamento permanente no festival. Beneficiaram ainda da presença no festival ao alcançarem um acréscimo de vendas de francesinhas na ordem dos 30%, nos seus próprios restaurantes.

“Esse feedback que nos transmitiram foi muito importante. Ao longo dos 10 dias do festival confecionaram, na globalidade, quase tantas francesinhas como o número total de visitantes e também registaram um acréscimo de interesse e vendas de francesinhas nos respetivos restaurantes. Parte da restauração da cidade saiu, assim, reforçada com o festival, o que merece um sublinhado acrescido dado o momento sensível que o setor atravessa. Também as marcas que estiveram associadas ao festival conheceram um reforço de notoriedade, pelo que concluímos que esta primeira edição do evento foi mesmo bem sucedida”, acentua Nuno Pires, igualmente diretor da EV-Essência do Vinho.

A organização do FRANCESINHA NA BAIXA garante que o festival gastronómico conhecerá nova edição em 2013, com pretextos acrescidos de interesse. De recordar ainda que o evento inovou, não apenas ao posicionar um emblema gastronómico da cidade como ao convidar conceituados chefes de cozinha - como Vitor Sobral, Rui Paula, Nuno Diniz, Dalila e Renato Cunha e Luis Américo - para apresentarem uma francesinha de autor. 

Terminado o FRANCESINHA NA BAIXA, a EV-Essência do Vinho prepara novo evento no Porto e já no próximo fim de semana. De 23 a 25 deste mês, no Palácio da Bolsa, organiza a sexta edição do ESSÊNCIA O GOURMET, “evento de cozinha 100% interativo”, em que o público é convidado a cozinhar, mano a mano, com mediáticos chefes, ao ritmo de mais de 50 cursos culinários em cada dia. Degustações em restaurantes, mercado com prova e aquisição de mais de 300 produtos gourmet e apresentações de cozinha ao vivo complementam o programa que será anunciado esta segunda-feira.

Redação | WINE-A Essência do Vinho