Entre aromas inebriantes, dicas preciosas e um tentador mercado de produtos que fizeram as delícias de quem os provou e levou para casa, a sexta edição do ESSÊNCIA DO GOURMET, que finalizou este domingo, conheceu novo êxito.

“O número de visitantes atingiu valores semelhantes ao da passada edição, em torno dos 10.000, o que é muito significativo tendo em conta o período atual que o país atravessa. Mas, mais importante ainda, o ESSÊNCIA DO GOURMET comprovou ser um evento com um conceito vencedor e que tem fidelizado públicos, não só do Porto como de outras zonas do país, bem como marcas, expositores e vários outros parceiros relacionados com o universo da cozinha, da enogastronomia e dos produtos ‘delicatessen’”, salienta Nuno Botelho, diretor da EV-Essência do Vinho, a empresa organizadora da iniciativa.

“O constante desafio que colocamos aos chefes de cozinha - de ensinarem dicas, truques e receitas aos visitantes, simplificando técnicas e procedimentos que possam, depois, ser replicados em casa – corresponde à tendência dos dias de hoje, em que assistimos a uma curiosidade crescente por tudo o que gira em torno da cozinha e dos produtos gourmet. De algum modo, o ESSÊNCIA DO GOURMET contribui para uma certa democratização da cozinha e da gastronomia, quebrando barreiras entre chefes e público, valorizando alguns dos melhores produtos, sobretudo os nacionais, que temos à disposição. Sim, claramente tem sido, e esta sexta edição comprovou-o uma vez mais, um conceito vencedor”, complementa Nuno Pires, também diretor da EV-Essência do Vinho.

O ESSÊNCIA DO GOURMET, que decorreu entre a passada sexta-feira e este domingo, no Palácio da Bolsa, no Porto, realizou mais de 50 cursos culinários em cada dia, contou apresentações de cozinha ao vivo no auditório instalado no singular Salão Árabe, teve mais de 300 produtos para prova e aquisição, o funcionamento em permanência de quatro restaurantes com degustações, organizou sessões temáticas para crianças e promoveu ainda conversas informais sobre vinhos.

Em 2013, estará de regresso.


José João Santos | WINE-A Essência do Vinho