As Comissões Vitivinícolas Regionais, o Instituto dos Vinhos do Douro e do Porto e a ViniPortugal apresentaram em conjunto, na passada semana, os planos de promoção dos vinhos portugueses para 2013, que representam um total de 15 milhões de euros.

A definição e concertação de estratégias teve lugar durante o “Fórum Anual ViniPortugal”, realizado no Palácio da Bolsa, no Porto, que colocou em análise e reflexão o comportamento do mercado nacional e a evolução das exportações. Para Jorge Monteiro, presidente da ViniPortugal, “a queda de consumo interno de 5% foi compensada com o crescimento das exportações no mercado internacional, sinais positivos que confirmam a estratégia adequada, à qual é necessário dar continuidade”.

A produção sustentável, a preservação da biodiversidade e o impacto das alterações climáticas na fileira da vinha e do vinho foram outros dos temas abordados, saindo do debate bons exemplos para tornar o vinho “amigo do ambiente” e um apelo à consideração da sustentabilidade como fator de sobrevivência mas também de diferenciação e competitividade.

Redação | WINE-A Essência do Vinho