A decorrer a bom ritmo, a sexta edição do "Peixe em Lisboa" entra no primeiro fim de semana com motivos extra a justificar uma visita.

Este sábado, a chefe de cozinha brasileira Bella Masano (restaurante Amadeus, São Paulo), tida como uma das mais promissoras da nova geração naquele país, apresenta-se no Grande Auditório Silampos, pelas 16h. Um pouco mais tarde, pelas 18h30, a cavala é o desafio que quatro subchefes de restaurantes prestigiados aceitam. A apresentação “Sangue na Guelra” vai comprovar o imenso potencial de um peixe acessível, abundante e rico em Ómega 3, como é a cavala, trabalhada com arrojo pelos chefes de cozinha Yoji Tokuyoshi (subchefe do restaurante Osteria Francescana, Itália, três estrelas Michelin), Leandro Correia (subchefe do restaurante Viajante, Londres, uma estrela Michelin), David Jesus (subchefe Belcanto, Lisboa, uma estrela Michelin) e João Rodrigues (subchefe Feitoria, Lisboa, uma estrela Michelin).

Ainda neste sábado, o PEIXE EM LISBOA convida crianças dos 6 aos 10 anos para se divertirem na cozinha e aprenderem alguns princípios fundamentais que estão na base de uma alimentação saudável. Às 16h e 17h30, a Nutrir conduz sessões que combinam divertimento e sensibilização. Para os graúdos, a equipa de Chakall, o Atelier Fausto Airoldi, Marlene Vieira, Nuno Inverneiro, José Serrano, António Amorim e Filomeno Nogueira conduzem aulas culinárias, das 13h até ao início da noite.

Provas comentadas e conversas informais com especialistas em vinhos e harmonizações enogastronómicas (vinhos José Maria da Fonseca e chefe Vincent Farges, e vinhos do Porto com criações do chefe João Sá), complementam a programação do dia.

De Paris a Lisboa

Domingo, desde logo destaque para as apresentações ao vivo do chefe de cozinha francês Adrien Trouilloud – discípulo de Alain Ducasse e chefe no restaurante Rech, detido por Ducasse, em Paris, um espaço especializado em peixes e mariscos, pelas 18h30 – e de Bertílio Gomes – do restaurante Chapitô à Mesa, em Lisboa, pelas 16h.

Mais aulas de cozinha, com receitas fáceis de replicar em casa, prova comentada de vinhos Bacalhôa e uma harmonização enogastronómica entre espumantes da Bairrada e criações do chefe João Sá completam o programa de domingo.

O "Peixe em Lisboa" apresenta 10 restaurantes  em funcionamento contínuo no Pátio da Galé, com degustações de peixes e mariscos, a 5€ e 8€: Assinatura (Henrique Mouro), A Travessa (gastronomia de mar que combina tradição portuguesa e algumas influências belgas, de Vivian Durieu e António Moita), Can the Can (dedicado a conservas de peixe, com o chefe Akis Konstantidinis), G-Spot (João Sá e André Simões, Sintra), José Avillez, Ribamar (Hélder Chagas, Sesimbra), Sea Me - Peixaria Moderna (peixes trabalhados com sofisticação, por Filipe Rodrigues), Spazio Buondi/O Nobre (Justa Nobre), Tasca e Cervejaria da Esquina (Vitor Sobral) e Umai/Izakaya (Paulo Morais).

Também em funcionamento permanente, ao ritmo de 12 horas consecutivas, o mercado gourmet tem à disposição uma miríade de produtos em prova e com possibilidade de compra – azeites, conservas, compotas, vinhos, chocolates, utensílios de cozinha e, claro, peixes.

"Peixe em Lisboa", que decorre até 14 de abril, no Pátio da Galé, no Terreiro do Paço, é uma organização da Associação Turismo de Lisboa (ATL), com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa e produção da EV - Essência do Vinho.

A programação detalhada está disponível online, em www.peixemlisboa.com


Redação | WINE-A Essência do Vinho