A Barros, uma das poucas casas de Vinho do Porto de origem portuguesa, está a celebrar o primeiro centenário. Para assinalar a data apresenta um tawny de edição limitada a 1913 (ano da fundação) garrafas, blend de vinhos de diferentes décadas, com uma média de idade de 65 anos. O PVP é de 260€.

O vinho foi apresentado – e provado – pela centena de convidados que esta segunda-feira esteve na Casa de Serralves, no Porto, onde a Barros celebrou o centenário. O jantar comemorativo teve assinatura dos chefes Pedro Nunes, Vitor Matos e Francisco Gomes e serviu ainda para um primeiro contacto com o Barros Vintage 2011. O momento foi aproveitado para apresentar a nova assinatura da casa, “Talento Português”, num link ao historial da marca e a valores como “autenticidade, terroir, origem, portugalidade, modernidade e inovação”.

Fundada por Manuel de Almeida, a Barros integra na atualidade o grupo Sogevinus, que detém ainda a Cálem, Kopke e Burmester.

JJS | WINE - A Essência do Vinho