Os vinhos tintos portugueses lideram as pontuações médias atribuídas pela influente crítica britânica Jancis Robinson, entre 1999 e 2012. Com uma média final de 16,5 pontos (em 20 possíveis), Portugal surge destacado em primeiro lugar, seguindo-se os Estados Unidos, Austrália, Nova Zelândia, França, Espanha e Itália.

O exercício consta de um artigo publicado online pelo “Financial Times”, o prestigiado jornal económico inglês onde Jancis é colunista. Em matéria de vinhos brancos o cenário é distinto, surgindo em primeiro lugar a Áustria, seguida da Alemanha, França, Austrália, Nova Zelândia e Itália.

No mesmo artigo, da autoria de Jancis Robinson e Valentina Romei, é ainda analisado o mundo do vinho… no sentido literal. Entre algumas das principais conclusões, é realçado o facto de Espanha (país detentor da maior área de vinha) ter visto o consumo diminuir 46% entre 1995 e 2011, situando-se agora ligeiramente acima do Reino Unido. Em direção oposta, nunca como hoje os consumidores norte-americanos, chineses e russos consumiram tanto vinho, com realce para os EUA, onde o vinho definitivamente parece ter entrado nos hábitos quotidianos de uma nova geração. Outra curiosidade é o facto de a China ser já o quinto maior produtor (e consumidor) mundial de vinho.

Jancis Robinson é também colunista da revista “WINE - A Essência do Vinho”.

Redação | WINE - A Essência do Vinho