Pela quarta vez consecutiva, a Comissão Vitivinícola Regional (CVR) do Dão organizou  esta segunda-feira o “Dão Primores”, iniciativa dirigida à Imprensa e a profissionais do setor que tem por objetivo evidenciar, em primeira mão, o balanço da vindima mais recente, com os produtores a serem convidados a expor os primeiros resultados.

De acordo com a declaração de vindima, 2013 é uma colheita que deverá explicar-se em dois períodos: o primeiro, a partir de meados de setembro até às primeiras chuvas; uma segunda etapa, a arrancar no início de outubro, já com normalização de temperaturas e uma boa maturação. Os vinhos brancos passaram de algum modo incólumes aos humores da natureza, enquanto alguns tintos poderão ressentir-se, obrigando a um trabalho suplementar na adega. “Não é um ano de varietais excecionais, pelo menos no que se refere aos tintos. É, no entanto, um ano em que a arte da combinação das castas em lotes, tradição antiga da região, permitiu conjugar os vinhos mais elegantes, frescos e frutados da primeira fase da vindima com os vinhos mais concentrados, volumosos e ricos no final”, acentua a declaração de vindima 2013.

Isso mesmo ficou demonstrado na nossa avaliação aos primores de 2013 do Dão. Se a esmagadora maioria dos tintos está ainda a definir-se – com os produtores a equacionarem os futuros lotes e a segmentação dos vinhos que ainda repousam nas adegas [no “Dão Primores” revelam várias amostras de barrica, um pouco ao estilo do conceito do “Bordeaux en Primeur”] -, os brancos 2013 do Dão revelam já uma forma muito apreciável, com alguns exemplares acabados de chegar ao mercado e outros apenas para lançar lá mais para o verão e o outono. Entre monocastas de Encruzado e lotes da casta branca rainha no Dão com outras variedades, muito em particular a Malvasia Fina, realçamos aqui os vinhos que mais nos surpreenderam e que, embora ainda algo imberbes, prometem evoluir com garbo: Allgo (lote de Encruzado e Uva Cão, esta última cada vez mais rara na região), Pedra Cancela Encruzado, Quinta das Marias Encruzado, Quinta de Saes Reserva, Quinta do Cerrado Encruzado Quinta do Perdigão Encruzado, Quinta dos Roques Bical (uma novidade), Quinta dos Roques Encruzado, Varanda da Serra (novidade).


JJS | WINE - A Essência do Vinho